Aula Magna da Universidade Federal da Bahia

“O desmembramento do Campus Anísio Teixeira da UFBA será um enorme ganho para a região e para todo o estado da Bahia”, declarou a reitora Dora Leal Rosa sobre a criação da Universidade Federal do Sudoeste da Bahia

A Universidade Federal da Bahia (Ufba) – Instituto Multidisciplinar em Saúde Campus Anísio Teixeira (IMS CAT) celebrou a abertura oficial do ano acadêmico 2014 com uma Aula Magna promovida na manhã desta sexta-feira, 21, no auditório da instituição. A abertura do ano letivo, que representa o desejo de boas-vindas aos estudantes e professores e o início das reflexões acadêmicas, contou com a participação do Governo Municipal de Vitória da Conquista.

Márcia Viviane de Araújo

“Nós reconhecemos, enquanto instituição de serviço público, o papel não só de formação que esse campus tem com os seus discentes, mas também a responsabilidade social de preparar o aluno, não só para o mercado de trabalho, mas enquanto cidadão transformador dessa realidade que nós tanto almejamos”, declarou a secretária municipal de Saúde, Márcia Viviane de Araújo, que representou o prefeito Guilherme Menezes.

Dora Leal

Com a Aula Magna, a Universidade Federal da Bahia inicia mais um semestre celebrando ainda uma grande novidade para a região. No mês de fevereiro deste ano, o Conselho Universitário da Ufba (Consuni/Ufba) aprovou, por aclamação, o desmembramento do Campus Anísio Teixeira, visando à criação da Universidade Federal do Sudoeste da Bahia. “O desmembramento do campus em Vitória da Conquista será um enorme ganho para a região e para todo o estado da Bahia, pois terá futuramente mais uma universidade federal. Esse é um desejo. O campus daqui já está consolidado e é, do ponto de vista acadêmico, muito bem sucedido”, certificou a reitora da Ufba, Dora Leal Rosa.

Lorene Pinto

As articulações políticas para a criação da Universidade Federal do Sudoeste, que já vinham sendo efetuadas em Vitória da Conquista com empenho pelo Governo Municipal, ganhou força com a aprovação do projeto pelo Consuni. Para a diretora da Faculdade de Medicina da Ufba (Fameb), Lorene Pinto, o desmembramento da universidade representa um progresso para o país no que diz respeito ao avanço no processo de formação e na ampliação da democratização do acesso ao ensino. “Expandir vaga pública no Brasil é uma necessidade para o fortalecimento dos espaços públicos de formação e a relação entre as políticas públicas para que elas possam acontecer em sintonia principalmente nos sistemas locais; nas bases municipais”, declarou a diretora.

SUS  – Um dos momentos de destaque durante a Aula Magna desta sexta-feira foi a palestra sobre o Sistema Único de Saúde (SUS) ministrada por Lorene Pinto. Na ocasião, todos os participantes da solenidade puderam refletir sobre a relação existente entre o sistema e a formação profissional.

Ainda durante as discussões, a reitora da universidade confirmou mais uma boa notícia para o município. Em 2015, será implantado em Vitória da Conquista o curso de Medicina. “No próximo ano, nós teremos neste campus, que será uma futura Universidade Federal do Sudoeste, um curso de medicina”, reiterou Dora.