Vida escolar acompanhada por aplicativo

Os estudantes Thiago Mendes e Kaick Sousa, do Colégio Estadual Arthur Vieira de Oliveira, no município de Anguera, no centro norte da Bahia, desenvolveram um aplicativo para facilitar o acesso de informações sobre a vida escolar. Denominado de Ceativista (7vistas), a ferramenta possibilita o acesso a informações, como notas das avaliações, avisos, instruções, lembretes, tarefas e afazeres das referidas matérias, contribuindo para que os pais possam acompanhar a vida escolar dos filhos. A experiência foi apresentada à Secretaria da Educação do Estado para verificar a viabilidade do seu uso por professores, estudantes e as famílias.

“A ideia inicial foi criar uma agenda eletrônica que lembrasse os estudantes sobre as tarefas e os horários de aulas. Quem utilizar o aplicativo vai poder verificar quais são os exercícios de casa, por meio de anotações disponibilizadas pelo professores. Ainda estamos tentando desenvolver um ´Diário do Professor´, com anotações e notas dos alunos”, explica Thiago Mendes, 15 anos, aluno do 9º ano, ressaltando a orientação da professora Geiza Mendes na criação do aplicativo.

Reconhecimento 

Desenvolvido por meio de uma plataforma gratuita no formato html5, o projeto está sendo reconhecido nacionalmente. “Após ficarmos em 2º lugar na IV Feira de Ciências e Matemática da Bahia, no ano passado, agora vamos representar o estado, no dia 26 de outubro, na Mostra Brasileira de Ciência e Tecnologia (Mostratec), em Hamburgo, no Rio Grande do Sul. A escola abraçou a ideia e esperamos levar este projeto à frente”, destacou Kaick Sousa, 16, aluno do 1º ano.

A coordenadora da Assessoria de Planejamento e Gestão, Fernanda Kumagai, da Secretaria da Educação, ressaltou o trabalho e a iniciativa dos estudantes. “Nós estávamos pensando em um aplicativo parecido, mas o diferencial é que os estudantes trazem uma visão da escola. E essa indicação nos proporciona desenvolver um projeto mais próximo da realidade do estudante, do professor e dos pais. Este é um primeiro passo, onde gostaríamos de contar com o apoio deles para o desenvolvimento futuro de um aplicativo nestes moldes”.

Boletim online 

Os pais já podem acompanhar as notas e as frequências dos filhos nas escolas sem precisar ir à unidade, participando mais ativamente do cotidiano escolar do estudante. Isto é possível graças ao Boletim Online, criado pela Secretaria da Educação do Estado. A ferramenta, uma das ações da secretaria no sentido de aproximar ainda mais família e escola, está disponível no Portal da Educação. Para ter acesso, é necessário entrar com o número da matrícula e a data de nascimento do estudante.

Emília Mazzei
Sucursal Vitória da Conquista

Nota da redação: 

Em 2011 a Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista pagou R$ 1,1 milhão de reais à empresa DaCosta & Ciara adquirindo programas, equipamentos e chips que seriam usados nos uniformes do alunos da rede pública municipal com o objetivo de monitorar e acompanhar a frequencia escolar. O projeto seria de que, através de mensagens aos celulares, os pais acompanhassem a entrada e a saída de seus filhos das unidades de ensino. Como só causou desconforto e não funcionou de acordo com o esperado, o projeto está abandonado e o dinheiro perdido.