Parlamento Jovem Baiano é marcado para novembro

O superintendente de Políticas para Educação da Secretaria Estadual de Educação, Ney Campello, e a Assembléia Legislativa da Bahia, decidiram os dias 16, 17 e 18 de novembro para a realização do Parlamento Jovem Baiano, projeto que tem o objetivo de proporcionar a estudantes baianos da rede estadual maior contato e vivência com a atividade política.

Durante os três dias do evento, a ideia é que os jovens possam participar e conhecer as atividades do legislativo, com contribuições para projetos de leis e debate de temas relevantes ao Estado em diferentes comissões parlamentares, como Agricultura, Meio Ambiente, Educação e Saúde. Os estudantes selecionados, a partir da produção de uma redação, serão empossados como deputados jovens e as inscrições para o projeto serão realizadas no período de 2 de setembro a 15 de outubro.

O Deputado Estadual Eduardo Sales, presidente da Comissão de Educação da ALBA – Assembleia Legislativa da Bahia, destaca que é fundamental aproximar os jovens da atuação política e incentivá-los a contribuir com suas ideias e críticas ao processo legislativo. “Precisamos demonstrar para a nossa juventude que é indispensável a participação popular na política. Dessa forma podemos assegurar a construção de uma sociedade cada vez mais democrática”, ressalta.

O projeto prevê a participação de estudantes, acompanhado por seus professores, sendo cada um deles representantes de diferentes territórios de identidade do Estado, no total de 27 alunos. Os docentes participarão em paralelo de um projeto de formação de professores em Letramento Político e Formação Cidadã.

O superintende Ney Campello destacou que a proposta está sendo recebida com muita satisfação e coloca o estudante em posição de protagonismo. “Sem dúvida nenhuma, essa proposta trazida pelos deputados tem uma grande confluência e sinergia com o que nós estamos pensando aqui na Secretaria”, explicou.