Aulas gratuitas de natação para adolescentes

 

Jovens e adolescentes, que participam de um projeto social na Praça da Juventude, a partir deste mês passam a ter mais uma opção de esporte. Além do futebol, capoeira e futsal, eles têm aulas de natação nos fins de semana – fruto de uma parceria entre a Coordenação Municipal de Esportes, o projeto Juventude Atletas para Cristo (Japec) e a academia Ativa.

Cerca de 40 garotos estão tendo oportunidade de fazer aulas na piscina no último domingo. E nos próximos finais de semana as aulas continuam. “É uma forma de incentivar o projeto e premiar aqueles alunos que cumprem as metas estabelecidas no projeto”, declara o atleta e também coordenador de Esportes de Vitória da Conquista, Jaldo Mendes.

A atividade física é fundamental para o desenvolvimento da criança e do adolescente, mas o fundador do projeto, Francisco Chaves, queria mais do que isso: “Há mais de 20 anos trabalho com o esporte e eu passei a desejar um projeto que não visasse apenas a bola, então eu conheci Ioná Santos e entendi que poderíamos trabalhar formando cidadãos, seu caráter, gente de bem. Foi quando a praça ficou pronta, aí corremos atrás de toda a documentação para montarmos o projeto e fazer um trabalho além do futebol. Entregamos livros para os jovens lerem, a leitura é muito importante, e premiávamos quem lia. Percebemos que estava dando certo. Muitas vezes levávamos lanches, quase sempre do nosso bolso. Lá nós temos regras a serem seguidas, quem não cumpre fica no que chamamos de “disciplina”, ou seja, um tempo sem participar de algumas ações”, conta

Até início deste ano, o projeto era desenvolvido nos finais de semana. Mas isso mudou também. “Francisco trabalhava no setor de limpeza na Prefeitura. Um dia ele me mostrou seu projeto e eu achei muito interessante. Estávamos com muitos problemas na Praça da Juventude, que tem uma localização delicada, então, propus às outras secretarias transferir o Francisco para a praça e entrar com essa ação durante toda a semana”, lembra o coordenador de Esportes.

“Sempre pedimos a Deus para nos enviar pessoas que pudessem acrescentar aos nossos sonhos. Foi quando conhecemos Jaldo e ele abraçou o projeto. Ele se dispôs na mesma hora a ajudar. E aqui estamos”, comenta Francisco.

Segundo Jaldo, as aulas de natação nos finais de semana servem para melhorar o condicionamento físico dos atletas no futebol e ensinar a nadar. “Quem sabe dentro de um projeto assim a gente consiga captar talentos. Estamos aqui com esse objetivo, porque sabemos a importância que é mexer com vidas humanas. Nos sentimos muito felizes. A gente tem sonhos e precisamos correr atrás e assim tentar trazer uma estrutura melhor para o esporte”, declara o coordenador da pasta.

“Nós lidamos com vidas de jovens e adolescentes e isso é muita responsabilidade. Isso aqui é uma alegria para eles e com certeza tudo que fazemos em benefício deles hoje, no futuro eles entenderão e fará a diferença nas suas vidas fazendo-os cidadãos de bem”, finaliza o fundador da Japec.

Com informações e fotos de Luciana Flores