Defensoria Pública apresenta Projeto “Mãos que Reciclam”

 

O projeto “Mãos que Reciclam”, realizado pela Defensoria Pública, busca fomentar e aprimorar a coleta de materiais recicláveis em Vitória da Conquista. E foi com o objetivo de buscar uma parceria com o Governo Mais Perto de Você que, na manhã desta quinta-feira, 17, a equipe da Defensoria foi recebida pela vice-prefeita e secretária de Desenvolvimento Social, Irma Lemos, e sua equipe para apresentação do projeto.

Durante a explanação, a defensora Caliane Gonzaga informou como está identificando as famílias que coletam material reciclável. “Já implantamos a primeira Associação de Coletores de Resíduos Sólidos Recicláveis/Acres, no loteamento Vila América, em parceria com o Centro de Referência em Assistência Social/Cras e iniciamos o processo no Bruno Bacelar, também em parceria com o Cras”, contou.

Ainda segundo a defensora, o objetivo é implantar um total de oito Acres, onde os Cras já estão implantados. “A medida é para facilitar o acesso às famílias e para que elas tenham acesso aos demais programas da assistência social”, explicou Caliane, que aproveitou para pedir o apoio da Secretaria nas próximas etapas do projeto.

“Este é um projeto muito importante que pode melhorar a vida das famílias que obtêm sua sobrevivência por meio da reciclagem e conscientizar a população sobre a importância de separar o lixo orgânico do reciclável. O Governo Mais Perto de Você tem todo interesse em estabelecer esta parceria, e a nossa secretaria pode entrar como parceira não apenas com os Cras, mas também com os demais serviços da proteção especial, como o Centro de Referência Especializado em Assistência Social/Creas”, ressaltou Irma.

Para o diretor de Assistência Social, Michael Farias, o projeto da Defensoria chega em um bom momento, pois, coincide com o reordenamento da assistência social no município. “Este projeto casa com as propostas que o Governo Municipal tem para implementar o Programa de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho (Acessuas/Trabalho)”, enfatizou Michael.

Para mais informações sobre o  “Mãos que Reciclam”, entre em contato com a Defensoria Pública por meio dos telefones (77) 3421-8628/4584.