Governo Federal contemplada Vitória da Conquista com “Estação Juventude 2.0”

Texto e fotos: Secom PMVC

 

 

O município de Vitória da Conquista está contemplado com a modalidade complementar do Programa Estação Juventude. A proposta da Coordenação Municipal da Juventude está entre os 18 projetos nacionais aprovados pela Presidência da República.

 

O Estação Juventude 2.0 visa levar cidadania e melhorar a qualidade de vida dos jovens de 15 a 29 anos, com a oferta de cursos e oficinas que fortaleçam sua capacidade de inclusão, participação social e emancipação. Os recursos para o projeto são de cerca de R$ 255 mil, com contrapartida da Prefeitura.

 

“Ficamos muito felizes por nesta nova edição sermos o único município da Bahia que teve a proposta contemplada. Mandamos um projeto que atingia todas as necessidades que foram apresentadas pelo Governo Federal. Fizemos um levantamento de dados para atingir o público que está em vulnerabilidade social. Vamos desenvolver ações específicas locais para combater a inserção desses jovens na criminalidade e reinserir na sociedade os jovens em cumprimento de medidas socioeducativas”, comentou o coordenador municipal da Juventude, Mateus Novais.

 

Ações realizadas com jovens da periferia

 

Com a modalidade complementar, o Estação Juventude será reestruturado, haverá capacitação da equipe e oficinas diversas para os jovens da cidade, a exemplo dos cursos de línguas, informática e desenho. Segundo Novais, essas ações começam a ser executadas ainda neste primeiro semestre.

 

A seleção realizada pela Secretaria Nacional da Juventude priorizou os entes que tenham ações voltadas para acabar com a violência contra a juventude. Tais ações visam a ampliação dos direitos da juventude, a desconstrução da cultura de violência, a transformação de territórios atingidos por altos índices de homicídios e o enfrentamento ao racismo institucional, com sensibilização de agentes públicos para o problema.

 

Jovens expõem seus talentos no Estação Juventude

 

“Esse projeto mostra que a Administração Municipal está preocupada e atenta a esta situação da segurança e está fazendo a nossa parte. Temos diversas ações a exemplo do Cidadão Aprendiz e a Semana da Juventude. E o Estação Juventude 2.0 vem para entrar neste leque de ações que o Município está executando de combate à violência contra os jovens, principalmente negros e da periferia”, afirmou o coordenador da Juventude.