Gol coloca Vitória da Conquista em seus planos de rotas

 

Concluindo um processo de mobilização de toda a sociedade civil organizada de Vitória da Conquista, alavancada pelo movimento “Conquista Pode Voar Mais Alto”, a partir de 08 de agosto a Gol Linhas Aéreas passa a operar no novo aeroporto da cidade, Aeroporto Glauber Rocha, trazendo preços e promoções em vários trechos que atua. Por exemplo, passagens para São Paulo em dois voos diários, a partir de R$ 529,00 ou em até 10 parcelas. Vitória da Conquista a Salvador, ida e volta por R$ 311,76 em até 3 vezes no cartão. Rio de Janeiro ida e volta 10 de R$ 43,70. Ida e volta a Porto Alegre em 10 vezes de R$ 43,50. Enfim, esses são os primeiros e muito promissores resultados do novo aeroporto, informados pela Maxtour Turismo.

 

Entretanto, a população precisa de ficar atenta aos detalhes, como a questão do volume de passageiros que precisa usar a nova malha aérea a que a cidade está se incorporando.

 

É onde há necessidade de se voltar a agir criando um novo movimento. Desta feita, gerando eventos de vários segmentos como cursos, simpósios nacionais, encontros de famílias, encontros profissionais, e uma rota própria de turismo para as diversas regiões que a cidade sedia, atraindo pessoas que aumentarão a frequencia nas aeronaves comerciais, ponto de partida para manutenção dos benefícios nos valores praticados pelas companhias aéreas.

 

Foto: Ascom Câmara

 

O empresário José Maria Caires, da Maxtour Turismo e presidente do movimento “Conquista Pode Voar Mais Alto”, comenta a necessidade das lideranças locais unirem novos esforços para a construção de um grande centro de convenções, capaz de abrigar eventos de grande porte, sempre com o objetivo de contemplar as demandas crescentes do progresso de nossa comunidade.

 

Lembrando que a região sudoeste é um grande celeiro de exploração de jazidas de diversos minerais, Vitória da Conquista concentra todo o potencial necessário para desenvolver ações capazes de gerar novas riquezas para o município. Força e competência para isso, seus cidadãos estão provando que tem.

 

Turismo 2.0: Mercado de milhas traz mais autonomia e segurança para viajantes

 

MaxMilhas transforma o jeito de viajar do brasileiro, garantindo mais autonomia aos viajantes

 

Viajar sempre é uma experiência única, seja qual for o destino. E cada vez mais os consumidores estão ganhando maior autonomia ao organizar uma viagem, já que hoje em dia é possível fazer praticamente todo o processo sem depender de agências ou outras empresas.

 

O mercado de milhas aéreas que cresce a cada dia é uma das ferramentas que está trazendo mais independência ao viajante, possibilitando experiências digitais e novas oportunidades de compra em um mercado tipicamente tradicional como o do turismo. A MaxMilhas, plataforma que vende passagens aéreas com desconto, é uma das empresas que atua nesse mercado de turismo 2.0 e tem a missão de fazer as pessoas viajarem mais, proporcionando mais autonomia e liberdade para quem deseja viajar.

 

“A plataforma surgiu a partir de uma necessidade pessoal e hoje está transformando o jeito do brasileiro de viajar. A gente ama, arrisca, aproxima e acelera. Temos um dado muito interessante, inclusive: 37% dos usuários do site afirmam que não viajariam se não fosse pela plataforma, o que quer dizer que estamos conseguindo mudar o cenário do turismo brasileiro e oferecendo a possibilidade de escolhas aos clientes”, afirma Max Oliveira, CEO e cofundador da MaxMilhas.

 

O mercado brasileiro de passagens aéreas é muito grande. São mais de 100 milhões de viagens vendidas todos os anos. Quando se trata de milhas aéreas, a MaxMilhas já atingiu a marca de 2 milhões de passagens aéreas emitidas com desconto, por meio da compra e venda de pontos de milhagem.

 

Sendo assim, a principal mudança para as empresas é saber entender que agora o turista busca serviços flexíveis, autonomia e praticidade na hora de comprar produtos e serviços, além de descobrir novas possibilidades como, por exemplo, os programas e compras por milhas. “Muitas pessoas ainda pensam que é necessário ter milhas para comprar pela plataforma. Ao contrário, nosso objetivo é permitir que o consumidor viaje emitindo passagens aéreas a partir das milhas aéreas de vendedores do site”, explica Max.

 

Como funciona o MaxMilhas?  – Quem quer comprar uma passagem deve entrar no site e escolher, data, destino e número de passageiros. A MaxMilhas mostra as opções oferecidas pelas companhias aéreas, e as opções com milhas de outros usuários. O usuário deve escolher a melhor opção, preencher os dados, realizar o pagamento e a empresa emitirá a passagem indicada.

Já quem quer vender milhas deve entrar no site e estabelecer por quanto quer vender cada lote de 1.000 milhas. A MaxMilhas dá sugestões de preços, com base em seu banco de ofertas. Após análises antifraudes da startup, sua oferta ficará disponível para compradores no site. O vendedor recebe o dinheiro da venda das milhas em sua conta bancária em até 20 dias corridos após a emissão da passagem.