COELBA intensifica ações de combate ao furto de energia na região Sudoeste

A Coelba realizou mais uma Operação Varredura de combate ao furto de energia nos municípios de Itororó e Ibicuí, no sudoeste da Bahia. Na operação, os técnicos da distribuidora percorreram os municípios e realizaram inspeções em unidades residenciais, comerciais e rurais. A ação autuou 37 unidades consumidoras, 26 delas com fraude. 

Este ano, já foram realizadas quase duas mil inspeções e a normalização de 392 unidades encontradas com ligação irregular na região. A energia recuperada nessas operações é suficiente para abastecer o município de Caatiba durante quinze dias. 

O furto de energia é crime, sujeito às penalidades do artigo 155 do Código Penal Brasileiro, cuja pena pode alcançar até oito anos de reclusão. Além de representar riscos de acidentes graves à população, a energia furtada é paga por outros consumidores, através do repasse na tarifa de energia, conforme determina a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). 

Como denunciar 

Para reduzir os riscos e o furto de energia, a Coelba mante um programa constante de inspeções. A empresa tem canais de denúncia para casos de fraudes e furtos, por meio dos quais é possível passar as informações anonimamente, como o telefone 116 ou o site www.coelba.com.br 

Sobre a Coelba

A Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), empresa do Grupo Neoenergia, é a terceira maior distribuidora de energia elétrica do país em número de clientes e a sexta em volume de energia fornecida, sendo a maior do Norte-Nordeste. Presente em 415 dos 417 municípios baianos, a Coelba tem uma área de concessão de 563 mil quilômetros quadrados, com mais de 6 milhões de clientes (mais de 15 milhões de habitantes).