Torpedos convidarão baianos a combaterem a corrupção



Os clientes da operadora de telefonia móvel Vivo S/A na Bahia receberão amanhã, dia 28, em seus telefones, uma mensagem de SMS com a dica “combater a corrupção depende de todos”. A iniciativa é fruto de um termo de cooperação técnica firmado hoje (27) entre o Ministério Público baiano e a empresa, no âmbito da parceria firmada nacionalmente com o Conselho Nacional de Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União (CNPG) para apoio e disseminação da campanha ‘O que você tem a ver com a corrupção?’. O termo foi assinado pela coordenadora estadual da campanha e do Grupo de Atuação Especial de Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa (Gepam), promotora de Justiça Heliete Viana, o coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Cidadania (Caoci), promotor de Justiça Valmiro Macedo, e a diretora regional da Vivo, Luciene Dias.

“A corrupção é a mãe de todos os crimes. Ela nunca vai acabar, mas precisamos ter ações para minimizá-la”, frisou o promotor de Justiça Valmiro Macedo, que representou o procurador-geral de Justiça na oportunidade. Os promotores de Justiça sinalizaram que tramita no Congresso Nacional a Proposta de Emenda Constitucional nº 37, que visa tirar o poder de investigação do Ministério Público, o que tornará mais difícil o combate à corrupção. “O perigo é que a PEC 37 se torne mais um instrumento de blindagem dos corruptos”, afirmou Heliete Viana. Também participaram da reunião a advogada e o relações institucionais da Vivo, respectivamente Fernanda Garboggini e Mauro Coquemala.

Redatora: Aline D’Eça (MTb-BA 2594)