PMVC

Dia do Professor: Governo fortalece ações para a categoria

Para alcançar avanços progressivos na qualidade do ensino, a Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria de Educação, tem desenvolvido ações integradas para beneficiar os professores da rede municipal de ensino, principalmente, com relação à valorização e qualificação profissional.

PMVC

Ricardo Marques, secretário de Educação

“O Governo Participativo buscou desenvolver uma política de valorização dos professores da rede municipal. Além disso, temos mantido o diálogo frequente e uma política de participação e democracia na gestão das escolas”, realçou o secretário municipal de Educação, Ricardo Marques.

Valorização – Vitória da Conquista cumpre o que prevê a legislação do Fundo Nacional de Desenvolvimento (Fundeb), ao aplicar, no mínimo, 60% do valor dos recursos para o pagamento de profissionais em efetivo exercício do magistério. Nos últimos três anos, os professores municipais receberam reajustes salariais que chegaram a 43,54%. De acordo com os dados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), no mesmo período, a inflação foi de 16,12%.

Em 2011, novos Estatuto e Plano de Carreira dos Profissionais do Magistério Municipal foram aprovados para a categoria, garantindo incentivo à qualificação profissional; estímulo para professores que possuem alunos com necessidades especiais ou atuam na educação infantil e ampliação das licenças maternidade, paternidade e monográfica. “Mais de 60% dos professores recebem incentivos por formação e, desde 2009, temos garantido o piso nacional”, destacou Ricardo.

Qualificação – O Governo Municipal também tem incentivado a qualificação dos docentes, por meio de cursos de formação continuada que acontecem periodicamente, permitindo que a categoria esteja sempre atualizada e possa executar um trabalho eficiente e de qualidade nas escolas e creches municipais. Os investimentos em formação já beneficiaram mais de 1.700 professores.

Rona de Aquino

“O município conta com políticas que favorecem a aprendizagem em sala de aula, a exemplo do Pnaic e do Pró-Letramento. Esses cursos permitem que eu, juntamente com os outros professores, aplique as novas experiências adquiridas nos cursos em sala de aula, favorecendo o processo de ensino-aprendizagem. E isso tem acontecido de maneira satisfatória”, contou a professora Rona de Aquino que atua no 3º ano do Fundamental I, na Escola Municipal Anísio Teixeira, e há sete anos integra a rede municipal de ensino.

“E o mais importante disso tudo é que temos mantido o diálogo com a categoria, inclusive, debatendo sobre o nosso modelo pedagógico”, reforçou Ricardo, que ainda reafirmou o compromisso com as melhorias para a categoria: “o professor é quem faz a educação ser transformadora da realidade social. Desse modo, é que reafirmamos o compromisso de valorizá-lo cada vez mais, pois o sucesso do seu trabalho representa o sucesso de todo um projeto de justiça social e desenvolvimento humano”.

Atualmente mais de 300 professores da rede municipal tem curso de especialização, mais de 520 possuem nível superior, mais de 330 estão cursando uma graduação e 15 tem mestrado.