PMVC

Greve dos bancários cada dia mais forte

Bancários querem melhorar para todos

A greve entra em seu 14º dia.Tanto tempo sem avanço é ruim para a população e para os bancários. A categoria se mantém firme na busca por seus objetivos, o que é percebido pela quantidade de agências fechadas em todo o Brasil, foram 11.106 agências e centros administrativos até ontem.

PMVC

A categoria bancária é desvalorizada pelos patrões e convive com uma rotina de trabalho insegura e sobrecarregada. A greve é por melhorias para funcionários e clientes. As principais reivindicações são por reajuste, PLR e piso salarial do Dieese, mas, também, pelo fim de metas abusivas, que levam o bancário a vender produtos desnecessários aos clientes, por mais contratações, isso diminuiria as filas nos bancos, e por mais investimento em segurança, como prevenção a assaltos e saidinhas bancárias.

REUNIÃO DO COMANDO DOS BANCÁRIOS

Nesta quinta-feira, 03, o Comando Nacional dos Bancários estará se reunindo pela segunda vez desde o início da greve a fim de avaliar as paralisações no país e discutir formas de fortalecer o movimento. Por enquanto, nenhuma proposta por parte dos bancos ou governo federal foi feita à categoria.

Quanto à adesão, essa já é a maior greve da categoria bancária dos últimos 20 anos. Até ontem, a mobilização cresceu 79,2% em relação ao primeiro dia. Na Bahia, o movimento atinge 826 agências, sendo 71 na base do Sindicato de Vitória da Conquista.

 

Atenciosamente,
Lays Macedo (Jornalista)
Mariana Sousa (Jornalista)
Manoela Sande (Estagiária de Jornalismo)