Operação prende 10 Servidores em Brumado

Operação BR-030 prende dez pessoas
e apreende veículos em Brumado

Uma operação articulada pelo Ministério Público estadual, em parceria com as Polícias Civil e Militar, resultou na prisão de dez pessoas no município de Brumado, incluindo dois servidores do Ciretran do município, um servidor do Retran de Paramirim e um escrivão da Polícia Civil. Iniciada em agosto de 2012, a investigação que culminou na ‘Operação BR-030’ identificou integrantes de uma organização criminosa que praticava crimes contra o patrimônio, incluindo roubos de motos, carros e animais na zona rural do município.

Segundo o promotor de Justiça Leandro Marques Meira, que esteve à frente da investigação, também foi descoberto um esquema de corrupção na Ciretran de Brumado e na Retran de Paramirim. No total foram expedidos 31 mandados de busca e apreensão. Como resultado da força-tarefa, foram apreendidos dez automóveis, 15 motocicletas, mais de R$ 20 mil em espécie, cerca de R$ 116 mil em cheques, R$ 70 mil em notas promissórias e diversos documentos e objetos relacionados aos ilícitos praticados pela quadrilha, tais como roubo, furto, receptação, porte ilegal de arma, estelionato, corrupção ativa e passiva, falsificação e peculato.

“Confirmamos que diversas motos apreendidas pela Polícia Militar eram ilicitamente desviadas para os integrantes da organização criminosa antes que fossem registradas no sistema do departamento de trânsito”, afirmou. Ele complementou que foram identificados funcionários públicos que viabilizavam a falsificação de documentos veiculares e auferiam vantagens indevidas para aprovação de candidatos em exames práticos e teóricos de habilitação. A ‘Operação BR–030’ também identificou um grupo de receptadores que atuavam na região, revendendo os bens subtraídos pela organização criminosa, além de outros trazidos de forma ilícita do estado de São Paulo.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em relação à Operação BR 030, em Brumado, onde quatro servidores do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia foram presos na manhã de hoje (15.10) por envolvimento em suposta fraude no setor de veículos, a Assessoria de Comunicação do Detran-BA esclarece que o órgão já tinha conhecimento do caso através da realização de auditorias e para não prejudicar o trabalho do Ministério Público e Polícia Civil aguardou o desfecho da operação, que culminou na prisão dos seguintes servidores: Ivan da Silva Santos – 8ª Retran Paramirim, Isau Cardoso dos Santos – 18ª Ciretran de Brumado, Leda Cristina Brito dos Santos – 18ª Ciretran de Brumado, Saulo Miranda Silva dos Santos – 18ª Ciretran de Brumado, e mais seis pessoas que não exerciam função no órgão. A investigação ocorre há cerca de seis meses, visando apurar fraudes diversas em relação a transferência de veículos e emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de roubo de motocicletas, receptação e venda de peças automotivas em desmanche de veículos.

O diretor geral do Detran-Ba Maurício Botelho já autorizou a publicação da exoneração sumária de todos os servidores, além da abertura de processo administrativo para que os fatos sejam apurados, a serem publicados no Diário Oficial do Estado da Bahia de amanhã (16.10).