Governo Federal garante repasse de R$ 10 milhões

Governo Municipal comemora recursos para construção de Centro de Internação Provisória e Permanente

Durante reunião, em Brasília, a Ministra dos Direitos Humanos garantiu o repasse de R$10 milhões.

O município de Vitória da Conquista se destaca no âmbito das políticas públicas voltadas para a defesa dos direitos da criança e do adolescente. Ao longo da sua gestão, o Governo Participativo desenvolveu uma série de ações nesse sentido, a exemplo da implantação do Programa Conquista Criança, da Rede de Atenção e Defesa da Criança e do Adolescente, do Programa Novo Olhar, da construção do Centro Integrado de Atendimento à Criança e ao Adolescente e, mais recentemente, da adesão ao programa ‘Crack, é Possível Vencer’.

O município também foi pioneiro nas implantações do Centro de Referência Especializada de Assistência Social para a População de Crianças e Adolescentes em Situação de Rua (Creas Pop) e do Centro de Referência Especializada de Assistência Social Rural (Creas Rural).

Outro grande passo foi dado com o intuito de fortalecer ainda mais as políticas públicas em defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes em Vitória da Conquista. O prefeito Guilherme Menezes se reuniu com a ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, em Brasília. O encontro teve como objetivo discutir sobre a construção do Centro de Internação Provisória e Permanente para abrigar jovens que cometeram ato infracional.

Segundo o prefeito Guilherme Menezes as ações para a construção desse equipamento já estavam sendo realizadas há algum tempo. “Estamos trabalhando com o apoio do Ministério Público, do Juizado da Infância e da Juventude e de outras entidades sobre a construção de uma unidade de internação provisória e permanente para adolescentes em ato infracional, pois atualmente esses adolescentes vão para Feira de Santana ou para Salvador, penalizando também as suas famílias que são obrigadas a se deslocarem para visitar seus filhos.”.

Na ocasião, a ministra garantiu o recurso de R$ 10 milhões de reais para a construção da unidade em Vitória da Conquista. A área em que será construído o centro possui 15 mil m² e foi doada pela Prefeitura Municipal ao estado em agosto de 2013.

Compromisso – O Governo Municipal tem se empenhado para que Vitória da Conquista adquira uma unidade de internação provisória para abrigar jovens em conflito com a lei. Quando a ministra Maria do Rosário esteve na cidade, no início do ano passado, o assunto foi novamente apresentado pelo prefeito como prioridade. Na ocasião, a ministra comprometeu-se em contribuir com o município para a aquisição desse importante equipamento público.