EBDA intensifica adesão ao Plano Safra

Técnicos do Escritório Local de Cândido Sales, da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola – EBDA, vinculada à Secretaria da Agricultura – SEAGRI, estão visitando as comunidades da região para garantir a inscrição dos agricultores familiares no Programa Garantia Safra, referente à safra Verão 2014/2015. O prazo final para adesão termina no próximo dia 20.
O Garantia Safra é um seguro social que tem como objetivo garantir condições de sobrevivência aos agricultores familiares que tiverem perda de, no mínimo, 50% da lavoura, nos municípios atingidos por seca ou excesso de chuvas. A chefe do Escritório Local de Cândido Sales, Luciana Ferraz Santos, ressalta a importância de ir ao encontro do agricultor. “Buscamos evitar os deslocamentos dos agricultores, pois isso significa custos para eles, além de ser importante manter contato com eles no seu próprio local de trabalho, criando uma relação de confiança”.
Programação
Em Cândido Sales, a programação inclui a visita a dois assentamentos e a 19 comunidades do município. Estão sendo visitadas as comunidades de Mandacaru, Boi Bravo, Espírito Santo, Barra da Lagoa, Lagoa do Moreira e Vistoso, além dos assentamentos Rancho dos Teixeiras e Santa Rita do Rio Pardo. Na quarta-feira (10), o atendimento acontece nas comunidades Boqueirão de Malaquias, Barro Vermelho, Barra do Furado e Pau Ferro, e, na sexta-feira (12), em Quaraçu.
As comunidades de Possidôneo, Lagoa Grande e Marimbo, recebem a visita dos técnicos na terça-feira (16), encerrando no dia 18, nas comunidades Timóteo, Lagoa Nova, Estiva, Bebedouro e Baixa da Boa Vista. Para estarem aptos a participar do programa, os agricultores precisam ter a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), ter renda mensal inferior a um salário mínimo e meio, e ter efetuado a sua adesão antes do plantio da safra, em uma área que deve ser inferior a cinco hectares.
Sobre o programa
O Garantia Safra é uma ação do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), por meio do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), em parceria com estados e municípios. Na Bahia, para fortalecer o programa, o Governo do Estado está subsidiando 50% das contribuições, tanto do agricultor como do município. A divulgação e mobilização dos agricultores familiares são de responsabilidade da EBDA, que também efetua as inscrições em todos os seus 133 Escritórios Locais no estado.