Juizados Especiais: serviços e tudo que o cidadão precisa saber

Já está no ar o site dos Juizados Especiais do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia. Agora, o jurisdicionado só precisa acessar o endereço www.tjba.jus.br/juizadosespeciais para saber tudo sobre sobre os juizados.

Na seção Acesso Rápido, o cidadão pode agendar sua queixa e fazer consulta processual, além de saber todos os endereços e telefones das unidades judiciais que integram a rede de Juizados Especiais do tribunal de Justiça da Bahia.

Aliando simplicidade e facilidade de acesso às diversas seções, graças a uma interface gráfica planejada com base nos princípios de clareza e legibilidade, o portal dos Juizados Especiais é mais uma etapa no processo de aproximação do TJBA com o cidadão.

O ambiente web passa a fazer parte do cotidiano do cidadão que se utiliza dos juizados para reivindicar seus direitos nas mais diversas varas instaladas em Salvador e em comarcas do interior do Estado

Idealizado pela equipe da Coordenação dos Juizados Especiais (Coje), acompanhada, passo a passo, pela juíza Luciana Setúbal, responsável pela Coordenação, o hotsite tem como lema “Sua Excelência, o Cidadão”, sinalizando o compromisso firmado para otimizar continuamente o atendimento.

Segundo a juíza Luciana, o hotsite foi pensado para facilitar a vida do cidadão: “Basta clicar na seção desejada, para o jurisdicionado ter toda orientação e conhecimento necessários para acessar os juizados especiais, começando do ambiente virtual para o presencial”.

Ao clicar em administração, o internauta tem acesso a informações da Coje, Conselho Superior, Colégio de Magistrados e Magistrados de Apoio. Já a aba ‘Órgãos Judicantes’ dá acesso à Turma Recursal, Turma de Uniformização de Jurisprudência e Varas do Sistema.

O hotsite oferece ainda os textos na íntegra de toda a legislação que rege os juizados especiais, além de banco de sentenças, útil para os magistrados, no sentido de favorecer a criação de jurisprudência e a consequente busca do melhor resultado nos julgamentos.

Clique aqui e acesse o site dos Juizados Especiais.