PMVC

Greenpace encabeça campanha: abrigo Paulo de Tarso

Abrigo Paulo de Tarso, na Bahia, pode ganhar do Greenpeace placas solares

– ONG lançou financiamento coletivo para arrecadar fundos para a instalação
– Instituição beneficente foi uma das duas escolhidas para ser contempladas
– Com energia solar, entidades vão praticamente zerar suas contas de luz

PMVC

Uma campanha de financiamento coletivo criada pelo Greenpeace quer levar a energia solar para o Abrigo Paulo de Tarso, instituição beneficente baiana de Nazaré das Farinhas, que acolhe idosos abandonados por suas famílias. Até dia 14 de julho, através do site Catarse, qualquer um pode ajudar a ONG a arrecadar o valor necessário para a instalação de placas fotovoltaicas e, dependendo do valor doado, ainda ganhar algumas recompensas.

A economia na conta de luz, caso a campanha de financiamento seja bem sucedida, irá tornar realidade um sonho antigo do Abrigo Paulo de Tarso: contratar um fisioterapeuta. “Sabemos que a fisioterapia é muito importante para manter a saúde e o bem-estar dos idosos que moram aqui, mas nosso orçamento não permite que paguemos um profissional”, afirmou Carlos Moura Santos, diretor da entidade.

Outra instituição que pode ser beneficiada é a Casa Santa Gemma, que fica em Minas Gerais e é o lar de ex-moradores de rua. Além do importante papel de ajudar pessoas necessitadas, as entidades têm em comum o desejo de ter placas solares. Como a luz do sol irá gerar a maior parte da energia consumida por elas, as contas de luz das instituições ficarão bem mais baratas e ambas poderão investir em outras necessidades.

Mais informações: www.catarse.me/pt/greenpeaceenergiasolar