fbpx

​Sindireceita lança filme sobre educação tributária

PMVC

Dia 25 de novembro (sexta-feira), às 17h, no Teatro Eva Herz, Livraria Cultura do Salvador Shopping.

O Sindicato dos Analistas Tributários da Receita Federal (Sindireceita) regional Bahia, lança nesta sexta-feira, 25 de novembro, às 17h, no Teatro Eva Herz, Livraria Cultura do Salvador Shopping, um filme de animação sobre educação tributária, com o título “Das mãos do Povo, a Riqueza Brasileira”. A iniciativa surgiu através da necessidade de esclarecer para a sociedade de forma lúdica o que é a educação tributária e de que forma ela pode contribuir para uma consciência cidadã, pois só assim poderemos aprofundar a debate público e a reflexão sobre a Justiça Tributária. O filme com duração de 12 minutos tem como enredo a conversa entre um Analista Tributário e crianças, onde são expostos os principais conceitos sobre o tema de forma simples e didática. Além de abordar a questão da justiça tributária e incentivar que as pessoas acompanhem os gastos públicos através do site da Transparência Brasil (http://www.transparencia.org.br/).

   Além do filme ​será realizada a​ apresentação do​ Coral da Assefaz, do​ Núcleo de​ Apoio Contábil Fiscal da ​DRF/​RFB​ Salvador,​ que tem parceria com as faculdades Unifacs e Visconde de Cairu​.

Às 18h30 ​será realizada ​a Mesa Redonda “Atual Conjuntura Econômica e a Justiça Tributária no Brasil”, com​ a presença​ ​d​a​ presidente do Sindireceita Nacional, Silvia Felismino, do coordenador de organização do Sefaz, Cláudio Meirelles, do coordenador de assuntos jurídicos do SINTSEF, Moisés Araújo, ​ do ​d​outor em economia da UNICAMP, Guilherme Grandi,​ da senadora Lídice da Mata, ​ do auditor fiscal e ex-deputado federal, Amauri Teixeira, e da socióloga​ e ouvidora​-geral​ da​ Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE-BA)​​,​​ ​V​ilma Reis.

Sendo um sindicato constituído por Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil, servidores que atuam nas atividades fins da Receita Federal do Brasil, na aplicação da legislação tributária e, mais especificamente, na execução das políticas tributárias, o Sindireceita se apresenta como um instrumento para a atuação dos Analistas-Tributários no campo da construção de consciência sobre temas que afligem a sociedade, como a questão da gestão dos gastos públicos por parte dos governantes, obrigações fiscais, cobrança de impostos entre outros.

O pagamento de impostos tem sido visto pela sociedade como algo oneroso e pouco compreendido, no entanto, não tem como viver em comunidade sem que exista o pagamento de impostos e isso faz parte da realização dos direitos fundamentais como educação, saúde, transporte, lazer entre outras necessidades básicas. Segundo a Receita Federal, a tributação, então, deve ser compreendida como um dever de cooperação que possibilita a atuação estatal nas suas mais diversas áreas, especialmente na vida social e econômica das pessoas. Assim, o conhecimento da questão dos impostos possibilita o fomento da cidadania, proporcionando os conhecimentos e habilidades que capacitam a compreensão do mundo e a atuação consistentemente na melhoria da realidade social de todos. O tributo é um instrumento que pode e deve ser utilizado para promover as mudanças e reduzir as desigualdades sociais. O cidadão, consciente da função social do tributo, como forma de redistribuição da renda nacional e elemento de justiça social, é capaz de participar do processo de arrecadação, aplicação e fiscalização do dinheiro público.

Para Gleciara Ramos, delegada sindical do Sindireceita, “a animação pode contribuir com o empoderamento da Sociedade, com o esclarecimento de quem contribui realmente para a formação da Receita, verificando as distorções do sistema, pela não aplicação de princípios constitucionais em matéria tributária”.

Segue o teaser da animação “Das mãos do Povo, a Riqueza Brasileira”

https://www.youtube.com/watch?v=MXyBb1Q8Sec&feature=youtu.be