Feira da Agricultura Familiar: compra direta do produtor

 

Secretaria da Agricultura e Sindicato dos Trabalhadores Rurais fazem parceria para evento

 

O Dia do Agricultor está chegando: 28 de julho. Para fazer uma homenagem a essa importante figura e também dar visibilidade ao seu trabalho, a Secretaria Municipal de Agricultura e o Sindicato dos Trabalhadores Rurais estão organizando uma Feira da Agricultura Familiar. Para definir os detalhes do evento, representantes da Secretaria e dos agricultores se reuniram na manhã desta quarta-feira, 28.

Para o secretário de Agricultura, Arlindo Rebouças, o evento vai auxiliar a expor os produtos que são produzidos pelos agricultores da nossa terra, resultando no aumento de vendas. “Muitas vezes, ele produz com facilidade, mas na hora de vender, o produtor tem dificuldade de inserir no mercado. É isso que a Secretaria, junto com o Sindicato, quer: essa parceria para que o agricultor realmente tenha apoio, tanto de técnicos, quanto de orientação, e ainda de outros órgãos de Governo do Estado, para que ele se sinta mais fortalecido nessa produção”, afirma.

Além da exposição de produtos, o evento também deve oferecer atividades de capacitação e serviços em outras áreas. Neste momento, está sendo buscado o apoio de outras instituições, para enriquecer ainda mais a programação.

“Essa discussão é muito importante, porque o que eu vi aqui hoje é a preocupação em organizar os agricultores. Estamos vendo aí o apoio da Secretaria e da Administração, e confiamos para que nós enfrentemos essa luta, com compromisso”, avalia Balbino Vieira Santos, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais.

Durante o encontro, os participantes também falaram sobre a necessidade de organizar os agricultores familiares de Vitória da Conquista em associações e cooperativas, para que eles possam participar do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). “O município tem dinheiro para comprar os produtos da zona rural, por meio do PNAE, mas falta organização. Até hoje nenhuma associação tenta vender para o PNAE, e nós queremos realmente que esse dinheiro fique no município de Conquista”, explica o secretário.