Projeto Integra leva serviços a população em situação de rua em Vitória da Conquista

Na foto, Érica Pontes, coordenadora do Consultório na Rua; Clodoaldo Moreira, do Movimento POP Rua; Átila Ramos, gerente do Centro POP Adulto; e Michael Farias, secretário de Desenvolvimento Social.

Mais de 50 pessoas que vivem em situação de rua em Vitória da Conquista participaram, na manhã deste sábado (19), do Projeto Integra. Iniciativa das secretarias municipais de Desenvolvimento Social e de Saúde, a ação ofereceu importantes serviços a esse público, em um momento de confraternização junina, com decoração e comidas típicas.

O evento foi realizado no Centro POP Adulto. Durante toda a manhã, foram realizados atendimentos médico, odontológico e de enfermagem; vacinação contra a gripe Influenza; atualização do Cartão SUS; serviços do CadÚnico, Bolsa Família, Acessuas Trabalho e Creas; ações de educação em saúde; e corte de cabelo e barbearia. O público também teve acesso à distribuição de preservativos e máscaras.

Para Clodoaldo Moreira, representante do Movimento POP Rua em Vitória da Conquista, a iniciativa é uma forma de resgatar a autoestima das pessoas que vivem em situação de rua na cidade. “O evento está de parabéns, porque não só ofertou o alimento, mas ofertou outros serviços, como médico, corte de cabelo, essas coisas”, avaliou.

Texto e imagens: Secom PMVC.

Joilson Teixeira da Silva é usuário do Centro POP Adulto e, através do serviço, conseguiu ingressar no programa Bolsa Família e emitir seus documentos pessoais. Ele também elogiou o evento desta manhã: “Eu achei isso uma coisa muito importante. Isso significa que nós não somos pessoas que são esquecidas na sociedade, alguém ainda se lembra da gente.”

O secretário municipal de Desenvolvimento Social, Michael Farias, comentou sobre a relevância de se promover momentos de socialização para esse público. “Resgatando a questão cultural do São João, que é uma característica do Nordeste, trabalhando a dimensão identitária de todos aqueles que estão inseridos no contexto da situação de rua, como forma de a Prefeitura de Conquista poder cada vez mais ofertar serviços de qualidade e permitir a essa população orientação, prevenção e uma atenção especializada”, afirmou.

Depois de cortar o cabelo, Joilson aproveitou o atendimento odontológico

A coordenadora do Consultório na Rua, Érica Pontes, explicou a proposta do Projeto Integra: “Será trimestral, voltado especialmente para a população de situação de rua, em que nós vamos intensificar as ações que o município já oferta. Então tudo o que já é ofertado no dia a dia, trimestralmente a gente vai fazer um dia ‘D’ para trazer todas essas atividades para eles.”