fbpx

Câmara Municipal homenageia os 70 anos da ACEVIC durante Audiência Pública

PMVC

Imagem  Câmara Municipal comemora os 70 anos da ACEVIC durante Audiência Pública

A Câmara Municipal de Vitória da Conquista promoveu na noite desta quinta-feira, 30, movimentada Audiência Pública em homenagem ao 70° aniversário da Associação Comercial e Empresarial de Vitória da Conquista – ACEVIC.

A iniciativa foi do mandato Valdemir Dias (PT), como parte da programação de aniversário da associação, que incluiu também a realização de cursos, palestras, seminários e outras atividades voltadas ao setor empresarial. “A ACEVIC tem desempenhado um papel proeminente na defesa dos interesses dos empresários junto aos órgãos governamentais e demais instituições. Sua atuação como porta-voz dos anseios e desafios do setor empresarial tem sido crucial para moldar políticas públicas locais”, destacou o vereador Valdemir.

Sete décadas de fomentação empresarial – Representando o Sicoob, Paulo César Oliveira, destacou a contribuição da ACEVIC para os empresários de Vitória da Conquista. “Ao longo de suas sete décadas de existência, a ACEVIC tem sido um baluarte para os empresários locais, oferecendo suporte em diversas áreas, desde consultoria jurídica e contábil até programas de financiamento e acesso a novos mercados”, declarou. Para Paulo, essa postura reflete o compromisso da associação em criar um ambiente favorável ao empreendedorismo e à prosperidade empresarial.

Depois de 70 anos – Representante do Sindicato do Comércio varejista e atacadista de Vitória da Conquista, Franscisco Felix de Jesus Andrade, destacou a importância da presença da juventude na ACEVIC. “Os 70 anos se passaram e hoje vemos a juventude cuidando das entidades de Vitória da Conquista”, afirmou. Além disso, Francisco destacou que esse é um momento para reflexão e crescimento para o comércio de Conquista, que está sempre em crescimento.


Acevic: catalisadora de iniciativas – O Presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Márcio Pedro da Costa, destacou o compromisso da Acevic com o desenvolvimento econômico e a promoção do empreendedorismo em Vitória da Conquista. “A gente precisa refletir sobre todo processo ao longo desses 70 anos da Acevic. É preciso pontuar os avanços que conquistamos e que pavimentaram o desenvolvimento da nossa cidade”, declarou Márcio. O presidente enfatizou que a associação tem desempenhado um papel fundamental como catalisadora de iniciativas que impulsionam a economia local. “Tenho orgulho em participar dessa instituição como diretor, presidente e agora associado”, pontuou.

Conquista é sinônimo de crescimento e determinação – O Subcomandante e Tenente Coronel, Fernando Leite, ressaltou em sua fala que a cidade de Vitória da Conquista é sinônimo de crescimento e determinação. “Nós somos a terceira cidade de Vitória da Conquista, mas eu considero a primeira, em desenvolvimento na área comercial, industrial e de ensino”. Ele destacou também a significativa história dos 53 anos do nono batalhão, ressaltando sua contribuição para o desenvolvimento junto à comunidade.

O diálogo entre o Poder Público e a iniciativa privada – O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Marcos Ferreira, lembrou que a trajetória da ACEVIC é marcada por uma série de conquistas notáveis que refletem o compromisso incessante com seus membros e a comunidade empresarial em geral. “Estamos celebrando 70 anos de uma instituição que continua crescendo e se fortalece por meio do serviço que presta a iniciativa privada”, declarou o secretário. Como secretário, Marcos falou sobre o empenho do Governo Municipal em acompanhar as demandas das iniciativas privadas e a importância do diálogo com os empresários que atuam no município. “A Secretaria de Desenvolvimento Econômico tem que ser a porta de entrada para todas essas empresas e órgãos representativos. Nossa escolha foi estar ao lado de todos os empresários de Vitória da Conquista”, afirmou Ferreira.

ACEVIC é sinônimo de credibilidade – O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Vitória da Conquista (ACEVIC), Raimundo Menezes Filho, expressou seu orgulho ao falar sobre a ACEVIC, destacando-a como uma instituição respeitada e a mais antiga na região. “Ao falar da Acevic eu me sinto muito orgulhoso, é uma instituição de respeito, a mais antiga que nós temos, e eu entrei com um propósito de fazer o diferencial e resgatar a marca da instituição”, contou. Menezes Filho também enfatizou que foram 16 meses de intensa dedicação e superação, especialmente ao enfrentar desafios para reconstruir parcerias estratégicas. Para finalizar, ele destacou os planos futuros da ACEVIC. 

A história da ACEVIC – O diretor da associação, Ailton Borges de Andrade, fez uma apresentação institucional falando sobre os retratos  e história da Acevic ao longo desses 70 anos. Ele lembrou que a associação foi fundada em 1953, atuando no registro, na orientação  e no fortalecimento de empresas nos segmentos do comércio, indústria e prestação de serviços da cidade e de todo sudoeste baiano. “Nossas celebrações não apenas reverenciam o passado, mas também lançam luz sobre o futuro. A ACEVIC está comprometida em continuar sua missão de fomentar o desenvolvimento econômico local, adaptando-se aos desafios contemporâneos e abraçando oportunidades emergentes”, pontuou.

Relações empresariais: uma atividade desafiadora – Antes de seguir com as homenagens propostas para essa Audiência Pública, o especialista em gestão e desenvolvimento de seres humanos, Sérgio Henrique Lôbo Lemos, fez uma palestra sobre as relações empresariais – uma atividade desafiadora. Nesse contexto, ele apontou alguns obstáculos comportamentais que afetam  a produtividade nas organizações. “As relações empresariais, intrinsecamente ligadas à dinâmica dos negócios, são uma atividade que constantemente desafia os atores envolvidos. Seja entre empresas, parceiros comerciais ou mesmo internamente, a gestão eficaz dessas relações é crucial para o sucesso e a sustentabilidade de qualquer empreendimento”, alertou o palestrante da noite. Shell, como é mais conhecido o palestrante, lembrou que apesar dos desafios inerentes às relações empresariais, a complexidade dessas interações também traz oportunidades significativas. “Empresas que conseguem superar obstáculos, adaptar-se às mudanças e inovar em suas abordagens são aquelas que prosperam em ambientes empresariais dinâmicos”, finalizou. 

Ao final da Audiência Pública, varias personalidades foram homenageadas pela trajetória junto à associação.