fbpx

Projeto Desperta Débora comemora 27 anos de existência em Vitória da Conquista

O Projeto “Desperta Débora – Mães de joelhos, Filhos em Pé” está convidando para o culto de gratidão a Deus pelos 27 anos de existência em Vitória da Conquista.

O evento será realizado na Igreja Batista Betheléem, no próximo sábado (18), às 14h. A preletora será a Coordenadora Estadual na Bahia, Pastora Sadja Bute.

A Igreja Batista Betheléem fica localizada na Rua dos Fonsecas, 295, no Centro de Vitória da Conquista. A entrada é franca.

No comando do Projeto desde o seu início no município, a psicóloga e apresentadora do programa Espaço Mulher da Rádio Melodia FM, Rose Elene Canguçu Mirante Ferreira, convida todas as mães que fazem parte para participar da reunião de agradecimento a Deus pelos 27 anos do Projeto.

Conheça o Projeto “Desperta Débora”

“Orando por nossos filhos”.

“Desperta Débora é um movimento de oração cujo alvo é despertar mães comprometidas a orar 15 minutos por dia, para que Deus opere um despertamento espiritual sem precedentes na história da juventude brasileira”.

Esse movimento é baseado no testemunho do poder da oração narrado no livro de Juízes 4.4-6, quando Débora, juíza e profetiza em Israel, orou e intercedeu pelo seu povo.

Nos poucos versículos da narrativa bíblica sabemos que Débora como juíza julgava seu povo debaixo de uma figueira, quando percebeu que o povo israelita, após apostatar da fé e seguir outros deuses, estava sofrendo ataques e perdendo batalhas para os povos inimigos nas regiões circunvizinhas.

Deus então despertou Débora para orar e interceder “como mãe” pelo seu povo em busca de avivamento e retorno da fé ao Deus verdadeiro.

Por conta disso, após as orações de Débora, Deus reverteu a situação e mudou os rumos dos acontecimentos.

Os israelitas, agora fortalecidos pelas orações, obtiveram vitórias nas batalhas e, como consequência, houve paz em Israel por quarenta anos.

O Projeto Desperta Débora é um movimento interdenominacional que guarda analogia com essa passagem bíblica ao estimular mães a fazerem o mesmo por seus filhos, motivando-as a 15 minutos diários de oração por eles.

Precisamos nos colocar na brecha contra o inimigo para que Deus venha socorrer e dar o livramento necessário contra as investidas de satanás na vida deles.