fbpx

Secretaria Municipal de Saúde informa situação de notificação por arboviroses em Conquista

De acordo com o último boletim semanal divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, na 26ª semana epidemiológica (26 de junho a 2 julho) foram notificados 529 novos casos suspeitos de dengue no município.

Neste ano, foram registradas 42.510 notificações suspeitas de dengue, com 34.369 casos confirmados.

Também foram registrados, nesse período, 3.110 notificações para chikungunya, com 115 confirmados, além de 1.493 notificados de zika, com três confirmações.

Conforme a Coordenação da Vigilância Epidemiológica, os casos notificados para dengue no Sistema de Notificações de Agravos Compulsórios – SINAN On-line estão em redução contínua. “Quando comparado ao número de casos notificados na Semana Epidemiológica nº18 (28/04/2024 a 04/05/2024) com a Semana Epidemiológica nº26 (23/06/2024) observa-se uma redução de 95.671% dos casos notificados (suspeitos/confirmados) para dengue, em residentes do município de Vitória da Conquista”, afirmou a coordenadora.

Com relação aos óbitos por dengue, totalizou-se até o momento, 21 óbitos confirmados para dengue e 14 descartados. Ainda há 43 óbitos que estão em investigação, aguardando o parecer da Câmara Técnica Estadual de Análise de Óbitos por Arboviroses.

Neste momento, 12 pessoas com suspeição ou confirmação de dengue estão em internamento hospitalar para tratamento.

Onde buscar atendimento

Em caso de sintomas suspeitos de dengue, como febre (geralmente acima de 38°C), dor de cabeça, dores no corpo e nas articulações, dor atrás dos olhos, manchas avermelhadas pelo corpo, falta de apetite, mal-estar e cansaço, a pessoa deve procurar a unidade de saúde de sua referência, dentro do horário de funcionamento.

No turno da noite, de segunda a sexta, das 17h às 22h, o atendimento está disponível nas unidades de horário noturno permanente (USFs: Régis Pacheco, Dr. Admário Santos, Comveima e Panorama). Aos sábados, essas unidades também atendem das 8h às 13h.