PMVC

Faculdade articula implantação do curso de medicina no município

Polo educacional do interior do estado da Bahia, o município de Vitória da Conquista se destaca pelo dinamismo econômico e pela capacidade de atrair grandes investimentos. Na manhã desta segunda-feira, 8, a equipe da Administração Municipal se reuniu com representantes da rede de ensino superior Faculdade Santo Agostinho (FSA) e da comissão de avaliação do Ministério da Educação  (MEC).

O objetivo do encontro foi discutir a implantação do curso de Medicina em Vitória da Conquista, que, neste momento, aguarda a conclusão da avaliação da comissão para credenciamento da faculdade e posterior aprovação do curso de Medicina na Comissão Nacional de Educação, para que seja instalado no município.

PMVC

O vice-prefeito Joás Meira, que recebeu os representantes da instituição no salão do Gabinete Civil, destacou o dinamismo econômico de Vitória da Conquista e lembrou que os hospitais e serviços de saúde aqui instalados atendem hoje mais de 100 municípios da região sudoeste e do norte de Minas Gerais. O vice-prefeito informou ainda que a Prefeitura pretende instalar Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) municipais nos bairros, para desafogar o atendimento nas unidades de saúde do centro. “Por isso a formação de novos  médicos aqui é bem-vinda”, ressalta.A secretária de saúde, Márcia Viviane de Araújo Sampaio, falou sobre a perspectiva de instalação do curso. “Vitória da Conquista é um grande polo de desenvolvimento e nós do Governo Municipal sabemos que, com mais investimentos externos, a saúde pública do nosso município só tem a ganhar”, declara.

O assessor especial do Gabinete, Gildásio Silveira, informou que Vitória da Conquista cresce em ritmo acelerado e que a cidade está pronta para receber grandes investimentos da iniciada privada na área da educação. “Vitória da Conquista mandava estudantes para todos os lugares do Brasil, hoje recebe estudantes de todos os lugares do país. E para nós é uma alegria contar com esse empreendimento da Faculdade Santo Agostinho e com a vinda da comissão do MEC, porque fortalece o município como polo de educação do estado”, afirma. 

 Nesse primeiro momento, a FSA pretende implantar, além do curso de Medicina, outros cursos na área de saúde e de exatas. “A faculdade cumpre um papel social importante no país, e nós nos encantamos com Vitória da Conquista, com sua dimensão econômica e estamos aqui nos colocando como parceira educacional e profissional do município”, destaca o diretor de educação da instituição, Cristiano Marchi.

Ricardo Fakhouri, representante da Comissão de Avaliação do MEC

O representante da comissão do MEC, Ricardo Fakhouri, comentou a iniciativa. “Nós vemos com bons olhos essa boa vontade da Prefeitura de colaborar para o sucesso dessa instituição, para que a sociedade se beneficie com a formação de mais profissionais, especialmente na saúde”, disse.

Cidade Universitária – Nos últimos anos, a população conquistense foi beneficiada pela ampliação nas vagas do ensino público, garantindo o acesso da população ao ensino superior.  São mais de 7 mil vagas em universidades públicas, inclusive com ensino a distância para a zona rural. Ainda nos últimos anos, o município começou a vivenciar a implantação de políticas inclusivas que atendem especialmente a juventude da cidade, por meio de experiências como o Projovem, que atende mais de 600 jovens, e o Pronatec que já atendeu mais de 2 mil estudantes, entre outras ações na área da qualificação profissional. Esses projetos têm garantido emprego e qualificação para a juventude do município que busca se profissionalizar.

Em Vitória da Conquista, a Faculdade Santo Agostinho está instalada na Avenida Olívia Flores, 200, Candeias.