fbpx

Cursos promovem inclusão digital no campo

PMVC

Estão abertas as matrículas para o novo curso básico de Informática e Internet, oferecido gratuitamente no portal de ensino a distância do SENAR. As aulas começam na próxima 4a feira, 17.

Trabalhador incansável, Sebastião Duraes nunca havia tido tempo para aprender a usar o computador. Vivendo antes na fazenda e hoje na cidade de Urucaia, norte de Minas, não tinha como frequentar um curso de informática e nem mesmo alguém que o ensinasse o básico. “Não sabia nem ligar o computador”. Há um ano, Sebastião conheceu o portal de Educação a Distância do SENAR e logo se inscreveu nos cursos de Informática e Internet. “Aprendi muito. Esses cursos são bem proveitosos, ainda mais pra quem não tem nenhuma experiência na área, como era meu caso”. 

Lançado há quatro anos, o Programa de Inclusão Digital da EaD SENAR já ajudou muita gente como Sebastião a ter acesso ao universo digital. Ao longo desses anos, somente pelos cursos de Informática e Internet passaram cerca de 80 mil alunos, pessoas do meio rural, morando no campo ou em pequenos municípios e sem condições de assistir aulas em uma escola regular. Agora reformulado e atualizado, o Programa de Inclusão Digital está ainda mais adequado às necessidades da população rural.

“Informática e Internet antes, eram dois cursos diferentes, mas como os temas são conectados, foram reunidos em um só. Os conteúdos foram atualizados e as aulas ficaram mais dinâmicas e interativas, para estimular a participação do aluno e facilitar a aprendizagem” – informa a gestora da EAD SENAR, Larissa Arêa. As inscrições para essa nova versão do curso Informática e Internet Básico estão abertas e os interessados devem se apressar, porque as aulas já começam no próximo dia 17. Para fazer matrícula só é preciso ter mais de 14 anos de idade e acessar o endereço eletrônico http://ead.senar.org.br/cursos/informatica-e-internet-basico .

Visão geral em três módulos

Atuando na gestão de cooperativas, em Cruz das Almas, na Bahia, Antônio Carlos Guerra concluiu o curso de Informática da EaD SENAR há seis meses. Embora já soubesse usar o computador para redigir textos e navegar pela internet, conta que descobriu muitos recursos ainda desconhecidos. Ele acha a iniciativa do SENAR de extrema importância para a população da área rural. “São cursos rápidos, a distância e de graça. Superinteressante para quem trabalha no campo e tem dificuldade de se descolar para fazer um curso de informática. O SENAR está de parabéns pela democratização do conhecimento”.
Em Estreito, no sul do Maranhão, a assistente social Maria das Graças Santos conhece muito bem as dificuldades de quem vive em uma localidade isolada para aprender a usar com segurança o computador e a internet e incorporar à rotina os recursos e facilidades que eles proporcionam. “Aqui onde eu moro tem muita gente que não conhece nada disso e a inclusão digital hoje é importantíssima”. Falando como ex-aluna, ela garante: “Muito bom o curso da EaD SENAR, ainda mais pra quem tá começando do zero. Te dá uma visão geral da informática”.
Nesta nova configuração o curso Informática e Internet Básico está estruturado em três módulos, em linguagem clara e de fácil entendimento. No primeiro módulo, Introdução à Informática, o participante tem um visão geral sobre o tema, sobre o funcionamento dos computadores e os sistemas operacionais disponíveis. O módulo dois, Formatando e Inserindo Elementos em um Documento, é mais prático. O aluno aprende a usar o Windows 7, identificando seus programas e recursos. Recebe também orientações sobre o Windows 8 (ainda menos usado).

O terceiro módulo do curso, Introdução à Internet, é inteiramente voltado para a rede mundial, informando o aluno sobre os tipos de conexões e navegadores e ensinando-o a acessar sites, a marcar portais favoritos, a usar programas de bate-papo, a navegar de forma segura e a fazer pesquisas, downloads e uploads, entre outros recursos. O curso tem uma carga horária total de 15 horas que deve ser cumprida em 21 dias. Ao final, o participante recebe o certificado de participação, contendo o conteúdo programático.