fbpx

Atletas baianos com apoio do estado entre os 50 melhores no Brasil

PMVC

Atletas baianos apoiados pelo estado estão no ranking dos 50 melhores no Brasil

Três atletas baianos integrantes do programa Bolsa Esporte, do Governo do Estado, foram contemplados na lista com os 50 melhores resultados obtidos em 2016 por todos os atletas do Brasil em competições de pista realizadas pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e pelas federações de cada estado. Divulgado recentemente pela entidade nacional que representa a modalidade esportiva, o ranking aponta os talentos para o futuro do atletismo brasileiro, servindo como fonte de informação e pesquisa para o planejamento dos treinadores no direcionamento dos objetivos em cada competição.

No documento, aparecem nomes como o da baiana Railane Batista da Silva, aluna da Escolinha de Atletismo Flamengo (EAF), do município de Jaguarari, que desponta como promessa para o atletismo do país. Com 16 anos, Railane é a número 1 da Bahia e ocupa nacionalmente a 4ª posição na categoria sub 18 na prova de 3.000 metros. Na etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude/2016, organizada pelo Comitê Olímpico Brasileiro e realizada em João Pessoa/PB, a atleta assegurou a medalha de ouro na prova também de 3 mil metros. Desde 2014, a esportista conta com o apoio financeiro do Bolsa Esporte, um programa bancado pelo Governo do Estado para o preparo técnico dos atletas.

Também aluna da EAF, beneficiária do Bolsa Esporte e com 16 anos, Erivânia da Silva Cruz é outro nome baiano que consta na lista da CBAt. Na categoria sub 18, ela ocupa, no país, a 15ª posição na prova de 3 mil metros rasos. Tanto Erivânia quanto Railane recebem, individualmente pelo Bolsa Esporte, R$600,00, valor pago pelo programa à categoria nacional B (atleta pan-americano, parapan-americano adulto e mundial júnior ou juvenil, entre os12 melhores do ranking estadual).
Gabriela Vita Souza é mais uma atleta contemplada pelo Bolsa Esporte que está no ranking dos 50 melhores da Confederação Brasileira de Atletismo. Aluna da Associação de Atletismo Simões Filhense (AASF), Gabriela está inserida na categoria Nacional (atleta e paratleta nacional adulto, entre os oito melhores do ranking estadual), recebendo uma bolsa de R$800,00/mês.

“É uma satisfação muito grande vermos esses atletas se destacarem tanto local quanto nacionalmente. Essas conquistas são o resultado de todo um esforço e disciplina dos atletas, mas sabemos da importância que representa a ajuda financeira proporcionada pelo Bolsa Esporte, que certamente serve como estímulo para esse preparo técnico”, observa o diretor geral da Sudesb, gestora do programa, Elias Dourado.

Constam, ainda, na lista da CBAt os atletas baianos: Givaldo Araújo Sena, Samuel da Silva Araújo, Diego Penna Alves de Souza Camerino, Lucas Natan Santos Silva, Mirian Santana de Matos, Maria Cerqueira de Souza, Debora Ramos Mota , Sara dos Santos Soares , Uranita Moreira Neri, Priscila Lima Almeida e Náviny de Souza Bonfim. O documento está disponível no site da entidade.