Show de bola: Quase 500 kg de alimentos arrecadados em jogo do Barcelona no Lomantão são doados à Casa do Amor

A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, autorizou que o Barcelona, de Ilhéus, mande suas partidas de semifinal e final do Campeonato Baiano no estádio Lomanto Júnior. O estádio Mario Pessoa, em Ilhéus, está em reforma e impossibilitado de sediar jogos oficiais. A outra opção seria em Feira de Santana, mas o Barcelona escolheu Vitória da Conquista por estar mais próxima de Ilhéus.

No último domingo, o time ilheense jogou no Lomantão a primeira semifinal contra a Jacuipense, jogo que acabou empatado em 0 a 0. Neste meio da semana, o Barcelona faz o segundo jogo em Riachão do Jacuípe e se conseguir a classificação à final, contra o vencedor de Atlético (de Alagoinhas) e Bahia de Feira, o time do sul a Bahia jogará, mais uma vez, no estádio municipal de Vitória da Conquista.

Apesar de o empate de domingo não ter garantido nem Barcelona nem Jacuipense na final, com a cessão do Lomanto Júnior para o clube de Ilhéus jogar houve quem ganhasse – e até mesmo comemorasse – com a situação: os pacientes da Casa do Amor, que foram os destinatários dos quase 500 quilos de alimentos arrecadados durante a partida.

A Casa do Amor é uma instituição filantrópica que cuida de pacientes em tratamento de câncer em Vitória da Conquista. A iniciativa de doar os alimentos partiu dos dirigentes do Barcelona, em agradecimento pela permissão da Prefeitura de Vitória da Conquista para que a equipe mandasse seus jogos no estádio. O Barcelona se comprometeu a trocar por alimentos não perecíveis os dois mil ingressos a que tinha direito.

“Foi uma maneira de retribuir pela forma como nós fomos tratados em Vitória da Conquista”, explicou o gerente de futebol do Barcelona, Danilo Rabat.  “Foi muito gratificante chegar lá e entregar os alimentos aquelas pessoas que tanto fazem o bem”, acrescentou.

A doação foi sugerida pela Prefeitura, ao ser consultada pela equipe do Barcelona sobre qual instituição poderia ser a beneficiada com os alimentos arrecadados. “Nós perguntamos se poderia, porque nós conhecemos os protocolos de doação da Casa do Amor. Ela nos autorizou, então nós conversamos com o pessoal do Barcelona e ficou decidido que os alimentos arrecadados seriam para lá”, informou o coordenador municipal de Esportes, Luciano Pina.

Caso o Barcelona consiga vencer a Jacuipense no jogo de volta da semifinal, que será neste quarta-feira (30), às 21h30, no Estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe, a equipe ilheense vai disputar pela primeira vez título estadual da Série A e poderá voltar a Vitória da Conquista para um dos jogos da final do Campeonato Baiano. As partidas estão marcadas para este domingo (3) e para o próximo (10).

Segundo Danilo Rabat, existe mesmo a intenção de repetir o gesto – e, desta vez, com uma possível arrecadação maior, já que as finais geralmente têm visibilidade bem maior. Nesse caso, o Barcelona pretende ficar apenas com uma parte dos ingressos para venda, a fim de cobrir seus custos com a realização da partida, e destinar o restante à arrecadação de novos alimentos para outra instituição de Vitória da Conquista.

“Vamos retirar só os custos do jogo”, garante Rabat. “E vamos repassar os ingressos para a Prefeitura com antecedência, para começar a trocá-los por alimentos já na quinta-feira”, conclui.

A instituição

A Casa do Amor estabelece parcerias com a sociedade civil e une esforços com o Município e o Governo do Estado, a fim de na rede SUS cuidados paliativos para pacientes com câncer. Esses cuidados envolvem uma perspectiva multidisciplinar, buscando a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e seus familiares, em casos de doenças que ameacem a vida. Isso passa pela identificação precoce, prevenção e alívio do sofrimento, tratamento da dor e naturalização do processo da morte. Texto e imagem: Secom PMVC.