fbpx

Serasa reúne 6,2 milhões de ofertas de dívidas para estudantes negociarem com universidades

Imagem divulgação. Texto: Imprensa Serasa.

  • Mais de 2 milhões de universitários podem negociar suas dívidas com 57 instituições de ensino parceiras da Serasa;
  • Plataforma Limpa Nome proporciona parcelamentos de até 9x e descontos que podem chegar a 93%;
  • 49% dos endividados já tiveram de trancar o curso em algum momento por não conseguir pagar as mensalidades em dia, revela pesquisa.

Em meio ao período de rematrícula, mais de 2 milhões de estudantes podem negociar suas dívidas com universidades em todo o Brasil a partir da plataforma Serasa Limpa Nome.

São 6,2 milhões de ofertas disponíveis para negociação com descontos de até 93% e a possibilidade de parcelamento.

Ao todo, são 57 instituições parceiras, como as faculdades das redes Estácio, Anhanguera, Pitágoras, UNIC, Uniderp, Unime e Unopar. 

Pesquisa realizada pela Serasa revela que 49% dos entrevistados já tiveram de trancar o curso por causa de dívidas com as universidades.

O desemprego foi apontado por 31% dos estudantes como o principal motivo para interromper os estudos, seguido da necessidade de priorizar o pagamento de outras contas (18%) e da redução de renda (15%).

O estudo realizado em parceria com o Instituto Opinion Box ouviu 987 alunos endividados com instituições de ensino: 9 em cada 10 deles afirmaram arcar com as despesas do curso inteiramente sozinhos. Pelo menos metade das dívidas atuais (51%) estão, atualmente, entre R$1 mil e R$ 5 mil.

As dívidas inclusive afetam a capacidade de concentração nas aulas, conforme responderam 19% dos universitários.  

De acordo com Valéria Meirelles, psicóloga do Dinheiro, a inadimplência pode impactar na vida dos estudantes de forma semelhante aos trabalhadores, já que gera o sentimento de preocupação constante e tira o foco das atividades no dia a dia. “Aos alunos, pode estimular a perda de foco nos estudos e nas provas, além de repercutir na relação com os amigos e nos momentos de lazer, que ajudam a trabalhar suas conexões e a sua saúde mental. É uma situação complicada, pois pode tirar a condição deste estudante de completar a graduação, se formar e se desenvolver na vida profissional como um todo”, explica.

Ainda segundo o levantamento, 43% dos endividados afirmam que desejam quitar a dívida para retomar os estudos e outros 40% querem se livrar das pendências com objetivo de limpar o nome. 

De acordo com Aline Maciel, gerente da plataforma Limpa Nome, a renegociação de débitos deve ser o primeiro passo para retomar a saúde financeira: “Aproveitar as ofertas disponíveis, em um acordo que caiba no orçamento, é uma boa oportunidade também para quem pretende se rematricular e voltar aos estudos em 2024”, diz Aline.

Para conferir as ofertas e condições disponíveis na plataforma da Serasa, os devedores podem consultar os canais oficiais da empresa e negociar de forma online. O processo também pode ser realizado presencialmente nas agências dos Correios espalhadas pelo país.

Canais digitais e oficiais da Serasa: 

  • Site: http://www.serasalimpanome.com.br       
  • App Serasa no Google Play e App Store       
  • WhatsApp 11 99575–2096        

Sobre a Serasa 

Com o propósito de revolucionar o acesso ao crédito no Brasil, a Serasa oferece um ecossistema completo voltado para a melhoria da saúde financeira da população com produtos e serviços digitais.   

Mais informações em www.serasa.com.br e via redes sociais no @serasa.