fbpx

Embasa fortalece diálogo com lideranças comunitárias de Conquista

PMVC

Texto e imagens: Ascom Embasa

Com o objetivo de promover uma maior interação com a comunidade, a Embasa realizou um encontro que reuniu lideranças de diversos bairros de Vitória da Conquista.

Distribuídos a partir dos 28 setores que compõem o sistema de abastecimento de água da cidade, os representantes apontaram demandas por meio de um diálogo direto e puderam entender melhor sobre a prestação dos serviços de água e de esgotamento sanitário, em interlocução direta com as equipes da Embasa.

Para o presidente da Associação dos Moradores do Vila América, Welton Mancha, “este momento é importante porque conseguimos dialogar de forma direta com o gestor, apresentar demandas e reivindicações da comunidade, assim como compreender os planos de execução da Embasa e desta forma aproximar ainda mais da população”. Já o presidente do Movimento Unificado das Associações de Moradores (MUDAMVIC), Idelzito Rocha, o encontro foi salutar “por trazer as questões que afligem a população para o debate direto, contribuindo para que a Embasa possa operacionalizar ainda melhor suas ações”.

O gerente regional da Embasa, Manoel Marques, contextualizou sobre os avanços de saneamento em Vitória da Conquista que lidera o ranking da Ong Trata Brasil como uma das cidades mais saneadas do Nordeste, com atendimento de 97,18% da população com rede de água e 82,90% com rede de esgoto, e com as perdas de água abaixo da média nacional. “Continuamos trabalhando na expansão dos serviços de esgotamento sanitário até os bairros de Vila Elisa, Campinhos, Simão, parte alta do Miro Cairo, assim como iniciará os estudos técnicos para atendimento às áreas de Lagoa das Flores e Distrito Industrial”, complementa.

Segundo Manoel Marques, estes encontros são fundamentais para atender melhor a população e melhorar ainda mais a prestação dos serviços. “Queremos ouvir os anseios da comunidade local e solucionar de forma eficiente os problemas para a população de forma a alinharmos as informações recebidas de modo a integrá-las no planejamento de nossas ações, seja de forma curta, média ou longo prazo”, afirma. Novos encontros entre a Embasa e as lideranças estão previstos para acontecer ainda neste primeiro semestre do ano.