PMVC

Dia Internacional das Mulheres: energia feminina na linha de frente do setor elétrico baiano

Texto e imagem: Imprensa Neoenergia Coelba

Ainda predominantemente masculino, o setor elétrico está passando por um processo de mudança. Atividades como a substituição de postes, manutenção em rede de alta tensão e inspeção de residências para combater o furto de energia estão sendo realizadas, cada vez mais, por profissionais femininas. Esta nova realidade já é vista na operação da Neoenergia Coelba, onde o número de mulheres eletricistas aumentou 476% desde 2020.

A presença feminina também é vista no comando da operação da distribuidora. Carolina Scavello, por exemplo, está à frente de uma equipe composta por 79 profissionais, entre técnicos e eletricistas, que atuam no sistema elétrico de Salvador. “Nosso desafio é diário para garantir um fornecimento de energia elétrica de qualidade, prezando sempre pelo bom atendimento aos nossos clientes. Na mesma proporção do desafio, está a dedicação da equipe que eu lidero, priorizando sempre a segurança e com foco nos resultados da empresa”, destacou a supervisora de operações.

PMVC

Carolina é administradora por formação e iniciou na Neoenergia Coelba em 2002, como analista de atendimento. Há dois anos, ela foi convidada para mudar de área de atuação na empresa, assumindo a operação da UTD Graça, em Salvador. “O fato de eu ser mulher e ainda não ter tido experiência na área técnica foram fatores que superamos com muito trabalho, apoio da minha liderança e da equipe. Todos os profissionais à minha volta se comprometeram e conseguimos fazer com que os resultados fluíssem”, explicou Carolina Scavello.

Uma das áreas mais importantes para a operação da Neoenergia Coelba, o Centro de Operações Integrado (COI) é responsável por receber as ocorrências, monitorar e direcionar os técnicos e eletricistas para atender as demandas. O ambiente também vem aumentando a sua participação feminina. Atualmente, 21 mulheres trabalham no setor.

Escola de Eletricistas para mulheres

A Neoenergia Coelba vem realizando iniciativas para aumentar a participação feminina na sua operação. Uma delas é a Escola de Eletricistas exclusiva para mulheres. O curso oferece capacitação gratuita aos participantes e, desde 2019 – ano de início, já formou 157 mulheres para atuar em redes de distribuição ou como eletricistas prediais.

A Escola de Eletricistas para mulheres está alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS), que colocam a Igualdade de Gênero como uma das metas globais a serem atingidas até 2030. A iniciativa foi reconhecida pela ONU, em um estudo de caso publicado pelo WeEmpower, programa da ONU Mulheres junto à Organização Internacional do Trabalho (OIT) e à União Europeia para estimular boas práticas das empresas. O documento aponta o projeto da companhia baiana como exemplo de um dos Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs, na sigla em inglês), o de promover educação e desenvolvimento profissional para as mulheres.  

Sobre a Neoenergia Coelba – A Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia, empresa da Neoenergia, é a terceira maior distribuidora de energia elétrica do país em número de clientes e a sexta em volume de energia fornecida, sendo a maior do Norte-Nordeste. Presente em 415 dos 417 municípios baianos, a Neoenergia Coelba tem uma área de concessão de 563 mil quilômetros quadrados, com mais de 6 milhões de clientes (mais de 15 milhões de habitantes).