Medalha Glauber Rocha é entregue em Sessão Especial na Câmara

Valéria Vidigal homenageada com a Medalha Glauber Rocha.


A Câmara Municipal de Vitória da Conquista realizou na manhã desta sexta-feira, 18, uma Sessão Especial para celebrar o Dia Municipal da Cultura, comemorado no dia 14 de março, com o objetivo de homenagear o cineasta conquistense Glauber Rocha (1939-1981), um dos mais importantes integrantes do movimento conhecido como “Cinema Novo”, na década de 60. Entre suas principais obras estão os filmes “Deus e o Diabo na Terra do Sol” e “Terra em Transe”.

A sessão foi instituída pela Lei 1.367/2006, e tem como finalidade homenagear uma personalidade e uma instituição que trabalham diretamente com a cultura na cidade de Vitória da Conquista. Os homenageados são agraciados com a Medalha Glauber Rocha, uma honraria concedida pelo Legislativo conquistense, em parceria com o Conselho Municipal de Cultura. Esse ano, os homenageados foram o Museu de Kard e a artista plástica Valéria Vidigal.


Dia de aplaudir – O secretário municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Eugênio Avelino Xangai, parabenizou a Câmara e o Conselho de Cultura pela decisão de realizar as homenagens. “Hoje é dia de louvar e aplaudir a iniciativa do Conselho de Cultura em, junto com a Câmara Municipal, conceder essas medalhas. Uma medalha para a artista Valéria Vidigal, e o outro, um extraordinário artista, gosto de chamar de arteiro, multitalentoso, Allan de Kard, idealizador do Museu de Kard um dos mais representativos de Conquista, aberto à visitação de todos”, disse o secretário.


Desvalorização dos artistas em todo país – O jornalista e presidente do Conselho Municipal de Cultura, Jeremias Macário, iniciou a fala fazendo alguns questionamentos sobre o que vem ser cultura e como anda a cultura em Vitória da Conquista. Macário fez uma explanação histórica sobre a cultura no Brasil e criticou a desvalorização dos artistas no país ao longo dos anos. “Os poderes executivos deveriam dar mais atenção à cultura e, infelizmente, esta não é uma realidade em nosso país”, disse. Ele aproveitou para explanar seus objetivos frente ao Conselho Municipal de Cultura em Vitória da Conquista; “O meu propósito ao assumir o Conselho Regional de Cultura é resgatar a nossa cultura local e, neste sentido, uma das nossas metas é criar o Plano Municipal de Cultura que é de suma importância”. Ao finalizar, o jornalista falou sobre a importância dos auxílios financeiros para artistas locais e lamentou a morte da fotógrafa e artista Edna Nolasco, lembrando a sua luta e profissionalismo em Vitória da Conquista. 


A Cultura que transforma as pessoas – O vice-presidente do Conselho Municipal de Cultura, Mateus Amaral, falou sobre a cultura e a importância dela para a sociedade. “A cultura tem sido diminuída e colocada num lugar que não é o dela”, alertou. Ele parabenizou a Câmara de Vereadores por essa iniciativa e destacou os desafios desse exercício. “Ações como essa precisam ser contínuas dentro da Câmara para que o acesso à cultura seja universal. Ela é o que faz da gente o que somos”, declarou.


Casa Glauber Rocha – O coordenador da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Alexandre Magno, parabenizou a Casa Legislativa por estar sempre atento às demandas e trabalhando junto com a prefeitura. Lembrou que a secretaria vem se empenhando ao máximo no que diz respeito à valorização e investimentos na cultura, “mas sabemos que ainda temos muito a oferecer e proporcionar”. Alexandre falou ainda da aquisição da Casa Glauber Rocha, que já está sendo adquirida pela Prefeitura Municipal, “onde transformaremos em mais um ponto cultural para a nossa cidade”. Por fim, o coordenador parabenizou o trabalho que vem sendo realizado no Museu de  Kard e a artista plástica Valéria Vidigal que “além de um trabalho fantástico vem nos ajudando muito na secretaria”, finalizou.


Homenagens:


Orgulho – Um dos homenageados, o idealizador do Museu de Kard, Allan de Kard, falou do seu orgulho em ocupar espaço na Tribuna da Câmara, representando outros artistas. “Me orgulho de estar nessa Tribuna da Casa do Povo para falar em nome do Instituto Museu de Kard e dos artistas que lá estão: Alex Emanuel, Lília Morais, J. Vieira, Geraldo Bop, Mário Cravo Jr”, apontou.
De Kard destacou ainda a importância de ser paciente. “É importante que tenhamos a paciência de saber esperar. Um dia você é execrado publicamente. No dia seguinte pode ser condecorado com a mais alta honraria dos mais diversos órgãos e casas representativas do povo”, pontuou.


Dedicação a arte – Em sua fala, a artista plástica e cafeicultora Valéria Vidigal agradeceu ao Legislativo conquistense pelo reconhecimento do seu trabalho como artista local. “Neste momento eu estou me dedicando a várias obras para uma exposição que irá acontecer em Brasília e fico muito feliz em levar o nome de Vitória da Conquista para o Brasil e para o mundo. Hoje, eu tenho mais de 1000 obras retratando o café e agradeço a esta terra, a qual finquei o pé há 30 anos, por me receber tão bem e possibilitar o meu desenvolvimento como artista”, ressaltou. A artista ainda falou sobre a importância do apoio do Conselho Municipal de Cultura, da Secretaria de Cultura e da Prefeitura Municipal para o incentivo aos artistas locais “Fica aqui a minha gratidão a todos vocês, em nome de Jeremias Macário, pelo apoio ao meu trabalho e, como cidadã conquistense, me coloco à disposição para trabalhar ainda mais pela cultura em Vitória da Conquista”, concluiu.

Texto e imagens: Ascom Câmara.