fbpx

Mulheres baianas vencem o Prêmio Inspirar 2023 do Instituto Neoenergia

PMVC

Texto: Imprensa Neoenergia Coela. Foto: Divulgação/Neoenergia Coelba


Oito mulheres com projetos sociais ligados à arte e a cultura venceram a premiação; conheça as ganhadoras abaixo

A Bahia se consagrou como o estado com o maior número de mulheres vencedoras do Prêmio Inspirar 2023, promovido pelo Instituto Neoenergia.

A iniciativa tem o objetivo de valorizar mulheres que, por meio da arte e da cultura, impulsionam a transformação em suas comunidades com impacto positivo em áreas de vulnerabilidade social.

Nessa terceira edição, a atuação de mulheres de quatro estados – Bahia, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo – e do Distrito Federal foi reconhecida.

 “Ao celebrar e amplificar histórias de transformações sociais, por meio de iniciativas de arte e cultura lideradas por mulheres, estamos fazendo a diferença. Acreditamos que estamos contribuindo como agentes impulsionadores dessa mudança. Por isso, estamos muito felizes com as mulheres realizadoras de trabalhos tão incríveis”, afirma Renata Chagas diretora-presidente do Instituto Neoenergia, Renata Chagas.

As representantes baianas vencedoras da premiação, são:

Categoria Mulheres

Cleonice Damaceno Silva (Mestra Preguiça)

Mestra de capoeira que participa, há mais de 30 anos, da construção da Filhos de Bimba Escola de Capoeira, com atividades no Brasil e em diversos países.

Consuelo Machado

Criadora da Feira das Mulheres Negras, empreendimento social e ponto de cultura que atua como um espaço de historicidade das mulheres negras artesãs do Recôncavo baiano.

Donminique Santos

Idealizadora da iniciativa “Meu crespo é de rainha e de rei: reconstruindo identidades na infância a partir do cabelo”, que trabalha pela valorização da identidade étnico-racial de crianças negras.

Udi Santos

Liderança de Eumelanina, produtora que trabalha pela capacitação de artistas que trabalham com a cultura hip-hop, disseminando informações sobre a indústria da música.

Categoria Coletivos

Maria José Lúcio (Mazé)

Grupo Vivavós – composto majoritariamente por mulheres, com faixa etária entre 60 e 82 anos, para divulgar a cultura popular do samba em suas vertentes, em especial o samba de roda, com repertório que agrega sambas autorais e mesclados a grandes sucessos.

Verônica Gomes Araújo Oliveira

Central das Associações – liderança da associação criada para apoiar comunidades quilombolas, promovendo formação para lideranças mulheres dessas comunidades.

Categoria Organizações

 Anailde Pereira

Associação Quilombola Gruta dos Brejões – associação quilombola que está resgatando a cultura local desenvolvendo diversas frentes, como o turismo de base comunitária, artesanatos, samba de roda, prática da agricultura familiar e culinária.
 

Valedelice Dias Cerqueira da Silva (Tia Val)

Pé de Arte Cultura e Educação (PACE) – é uma organização não-governamental fundada em São Gonçalo dos Campos, na Bahia. Possui como objetivo oferecer uma educação humanizada para crianças, adolescentes e jovens que envolve cultura e meio ambiente, sendo gratuita e de qualidade.

O Prêmio

O Prêmio Inspirar tem parceria técnica com a Baluarte Cultura e colaboração das distribuidoras da Neoenergia. As vencedoras dividirão a premiação de R$ 140 mil em três categorias: Mulheres; Coletivos e Organizações. Treze delas foram escolhidas por votação popular e as outras três por mérito cultural, selecionadas pelo Comitê Externo de Especialistas.

Ao todo, 137 mulheres concorreram este ano, sendo 75% delas negras, de 58 municípios da Bahia, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, São Paulo, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal, alcançando localidades para além dos grandes centros urbanos. Foram avaliados critérios como inspiração, transformação, articulação, diversidade e criatividade. A premiação também considerou o engajamento das lideranças em melhorar a qualidade de vida das pessoas das comunidades em que atuam, impulsionando o desenvolvimento sustentável.

Sobre o Instituto Neoenergia: integra o investimento social privado da Neoenergia, com o propósito de fomentar iniciativas que estimulem a transformação das pessoas e do planeta, nas regiões onde a empresa opera seus negócios. O Instituto desenvolve e apoia programas e projetos que colaboram com a redução das desigualdades sociais e a luta contra as mudanças climáticas. Por meio de cinco pilares de atuação – Formação e Pesquisa, Biodiversidade e Mudanças Climáticas, Arte e Cultura, Ação Social e Colaboração Institucional – contribui diretamente com o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU e atua em consonância com as melhores práticas ESG. O Instituto Neoenergia apoia a Década da Ação e mobiliza esforços em prol da aceleração do cumprimento das metas da Agenda 2030. Em 2022 beneficiou diretamente mais de 169 mil pessoas.

Sobre a Neoenergia Coelba – A Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia, empresa da Neoenergia, é a terceira maior distribuidora de energia elétrica do país em número de clientes e a sexta em volume de energia fornecida, sendo a maior do Norte-Nordeste. Presente em 415 dos 417 municípios baianos, a Neoenergia Coelba tem uma área de concessão de 563 mil quilômetros quadrados, com mais de 6 milhões de clientes (mais de 15 milhões de habitantes).